Galo volta a vencer fora e complica a vida do Coxa

O resultado deixa a equipe mineira em nona, com 23 pontos.

Galo vence no Couto Pereira e afunda o Coritiba (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Após a dura eliminação na Copa do Brasil, no meio de semana, para o Botafogo, o Galo junta os cacos para seguir firme na temporada. Na tarde deste domingo, o time mostrou reação e venceu o Coritiba, por 2 a 0, no Couto Pereira, em confronto válido pelo Campeonato Brasileiro. O resultado deixa a equipe mineira em nona, com 23 pontos. O Coxa está coladinho na zona de rebaixamento, na 16ª posição, com 19 tentos – a dois do Z4 que tem o rival, Atlético-PR, como cabeça.

O Atlético foi superior durante boa parte do jogo. Dos 90 minutos do relógio do árbitro, em, pelo menos, 80 a equipe de Rogério Micale dominou a partida. O primeiro gol foi marcado de pênalti, por Fábio Santos, e o segundo por Rafael Moura, na etapa complementar, em momento que a equipe sofria certa dificuldade.

O Galo volta a campo na próxima quarta-feira, no Mineirão, contra o Corinthians, às 21h (de Brasília). Já o Coxa vai ao Morumbi, na quinta, às 19h30, duelar com o São Paulo.

Primeiro tempo

O Atlético começou melhor o jogo. Tendo mais a posse de bola e segurando mais a redonda no ataque. Logo aos cinco minutos o Galo balançou as redes pela primeira vez. O assistente Rodrigo Henrique Correa, entretanto, anulou o lance – de forma errada, o volante Adilson, que desviou de cabeça, não estava em posição irregular.

O Coritiba encontrava bastante dificuldade para sair jogando. O Atlético era muito agressivo, jogava com três volantes, mas tinha uma postura muito vertical.