Moradores de distrito estão sem água há mais de uma semana

Comunidade depende de abastecimento por meio de caminhão-pipa, mas apenas parte das casas recebe água fornecida pela prefeitura

Moradores dizem que o problema é tratado com descaso pela prefeitura (Divulgação)

Moradores do distrito de Conselheiro Zacarias, em Santo Antônio da Platina, estão há mais de uma semana sem água para beber, para a higiene pessoal e manutenção de tarefas domésticas como cozinhar e lavar roupa. A denúncia foi feita pela dona de casa Evanize Aparecida Ribeiro Tangerino, que acusa a prefeitura de tratar o problema da comunidade com “total descaso”.

Segundo a moradora, a bomba que faz a captação de água no poço artesiano do distrito queimou há mais de uma semana e até agora nada foi feito pela prefeitura para resolver o problema. “Na semana passada a prefeitura mandou três caminhões-pipa para abastecer a comunidade, mas a água fornecida chega apenas a algumas casas e a grande maioria das famílias continuam sendo prejudicadas. Não temos água para absolutamente nada. A minha mãe é de idade e tem dificuldades para sair de casa. Ela conta com a solidariedade de alguns vizinhos, que dividem o pouco de água que têm para ajudar os mais necessitados”, conta Evanize.

Moradores armazenam água em reservatórios para a manutenção das atividades domésticas (Divulgação)

Ainda de acordo com a moradora, as cobranças ao secretário de Obras Everton José Panegada são constantes, mas nada foi feito pela prefeitura até agora para resolver o problema. “Falei hoje (segunda-feira) pela manhã com o Panegada e ele me informou que estava mandando mais um caminhão de água para abastecer a comunidade, o que não ocorreu até o início da tarde. Liguei novamente a ele e disse que precisamos da bomba consertada, pois a situação dos moradores está insustentável. E a resposta, novamente, foi que o caminhão estaria a caminho para abastecer as casas e que o problema seria resolvido o mais breve possível”, disse a dona de casa concluindo. “Ocorre que isso ele já havia falado na semana passada e tudo continuou do mesmo jeito. Já não sabemos mais a quem recorrer!”, lamenta.

Outro lado

Procurado pela reportagem, o secretário municipal de Obras Everton José Panegada informou que o problema ocorrido na bomba de captação de água do poço artesiano do distrito depende de manutenção especializada, o que, segundo ele, deve ocorrer nesta terça-feira (4). “A empresa responsável pelo serviço é de Maringá e deveria estar resolvendo o problema hoje (segunda-feira), porém, ocorreu um atraso na viagem dos técnicos e a manutenção será feita nesta terça-feira. Estamos abastecendo a comunidade com caminhões-pipa para evitar transtornos aos moradores, mas infelizmente dependemos de terceiros para o fornecimento de água voltar à normalidade”, explica Panegada.